O segredo natural para aumentar a memória em até 80%!


Os alimentos são um dos fatores que mais influenciam o bem-estar do nosso corpo, pois tudo o que consumimos afeta diretamente a nossa saúde.

O cérebro sofre muito com os efeitos da má alimentação, especialmente na parte dos neurotransmissores, que são responsáveis pela transmissão de impulsos nervosos aos neurónios.

Assim, os alimentos podem alterar o nosso sono, humor e comportamento.

É interessante ter uma reeducação alimentar e manter uma dieta saudável.

Existem fatores que são importantes para saúde mental, como a ingestão balanceada de calorias e cafeína.

Também é essencial à saúde o consumo de nutrientes como sais minerais, proteínas, vitaminas, gorduras e hidratos de carbono.

É importante lembrar que tanto a falta de nutrientes quanto o excesso deles causam prejudicam o funcionamento no cérebro.

Aqui estão alguns dos alimentos que lhe darão disposição, concentração e memória:

  • 1. Peixes

São ricos em ômega 3 e ômega 6, que são essenciais para melhorar e acelerar a aprendizagem.

  • 2. Maçãs

São ricas em vitamina C e antioxidantes, que protegem o cérebro contra os radicais livres.

Elas também ajudam a combater doenças como Alzheimer e Parkinson, reduzem o colesterol ruim (LDL), ajudam na saúde do coração, além de proteger contra o cancro.

É recomendado comer a casca da maçã, mas só se for orgânica.

  • 3. Frutas vermelhas (ameixa, framboesa, amora, goji berry)

Elas têm a vitamina C, ácido fólico, ácido cítrico, cálcio, potássio, magnésio, antioxidante e auxiliam na prevenção do envelhecimento da célula.

Estas frutas são anti-inflamatórias, evitam danos no cérebro e ajudam a melhorar o nosso intelecto.

Além disso, elas nos protegem da perda de memória devido à idade e de doenças como Parkinson e Alzheimer.

  • 4. Linhaça

Possui muitas vitaminas e minerais importantes para o sistema nervoso, além de conter ómega 3.

A linhaça melhora a função cerebral.

E não só isso: ela ajuda a reduzir a inflamação e a melhorar a circulação.

  • 5. Nozes

São altamente ricas em minerais, como potássio, fósforo, zinco, ferro, magnésio, cálcio, vitaminas B e E.

Elas ajudam a saúde do cérebro e reduzem as doenças cardíacas.

São utilizadas para melhorar a memória e para dar suporte nas funções cognitivas.

É recomendado comer um punhado de nozes diariamente.

  • 6. Azeite de oliva e abacate

Eles mantêm a estrutura dos neurónios e a integridade dos vasos sanguíneos.

  • 7. Chocolate amargo

É um chocolate com maior percentual de cacau.

Ele estimula o cérebro, melhorando a circulação sanguínea e ajuda a evitar problemas no coração.

Além disso, fortalece o cérebro de pessoas que sofrem de insónia, retarda o envelhecimento e impede o desenvolvimento tanto da hipertensão como da diabetes.

  • 8. Aipo (o mesmo que salsão)

É um alimento que contém propriedades benéficas para a nossa memória e possui luteolina, um flavonoide capaz de reduzir o envelhecimento das moléculas que inflamam o cérebro.

Ele é antioxidante, antibacteriano, purifica o sangue, elimina o ácido úrico e reduz a inflamação do cérebro.

O aipo também diminui as dores de cabeça e a enxaqueca.

Além do consumo desses alimentos, recomendamos que você evite consumir alimentos ricos em açúcar e os que contêm conservantes e aditivos.

Existe uma super-receita natural para melhorar a memória: o vinho de alecrim.

A preparação é simples.

  • Coloque três galhos de alecrim num litro de vinho tinto seco e adicione uma chávena de mel.
  • Deixe a mistura em repouso durante quatro dias em recipiente e local escuros.
  • Tome uma colher das de sopa três vezes ao dia (em jejum, no meio da tarde e antes de ir dormir).

Contra-indicação: para quem tem problemas hepáticos ou com alcoolismo.

Se este for o seu caso, use, no lugar do vinho, vinagre de maçã de boa qualidade e orgânico.


Segue a nossa página de facebook:



Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *